Alison/Álvaro e André/George vão à semifinal da etapa de Espinho

Publicado em: 20/07/2019 17:36
Alison e Álvaro Filho (dir) comemoram vitória em Espinho (Créditos: Divulgação/FIVB)

Da redação, no Rio de Janeiro (RJ) – 20.07.2019

O Brasil avançou com duas duplas às semifinais da etapa quatro estrelas de Espinho (Portugal), válida pelo Circuito Mundial de vôlei de praia 2019. Alison/Álvaro Filho (ES/PB) e André/George (ES/PB) superaram adversários neste sábado (20.07) para avançar à disputa de medalhas. Os brasileiros se enfrentam apenas em uma eventual disputa de bronze ou ouro. Evandro/Bruno Schmidt (RJ/DF) e Guto/Saymon (RJ/MS) acabaram eliminados.

Alison e Álvaro Filho encaram na semifinal os letões Plavins e Tocs, às 7h (de Brasília), no primeiro confronto entre os dois times.  Já André Stein e George disputam a vaga na decisão da etapa portuguesa contra os primos chilenos Marco e Esteban Grimalt, às 8h (de Brasília), também em partida inédita no tour internacional.

André e George tiveram caminho mais ‘curto’ à semifinal, já que tinham terminado a fase de grupos em primeiro, pulando a repescagem. Eles eliminaram nas oitavas de final os australianos Guehrer/Schubert por 2 sets a 0 (21/18, 21/14). Horas depois, triunfo sobre os russos Semenov e Leshukov, pelas quartas de final: 2 sets a 0 (21/14, 21/16). André analisou o desempenho da dupla, que segue invicta com quatro triunfos até aqui.

“Foi a primeira vez que enfrentamos Semenov e Leshukov, estão vindo de bons resultados, um time forte, mas conseguimos aplicar a estratégia que nossa comissão técnica pediu. Sacamos muito bem, executamos o que foi combinado e colocamos nosso ritmo de jogo, abrindo uma larga vantagem, o que dificultou para eles. Nos adaptamos rápido ao vento forte daqui. A areia também está bem fofa, mas desde o começo nos sentimos bem”, disse André, que também analisou a dupla adversária das semifinais.

“Marco e Esteban estão em crescimento, vivem a melhor temporada desde o ano em que começaram a disputar o Circuito Mundial. Mas também estamos fortes e preparados, será também um duelo inédito, vamos estudar bastante com nossa comissão técnica, mas fazendo o que temos feito. Pensando no jogo o tempo inteiro, focado, brigando por cada ponto. Queremos muito essa primeira final para nossa dupla”, completou.

Alison e Álvaro Filho tiveram que vencer três jogos eliminatórios neste sábado pela vaga na semifinal, por terem saído em segundo lugar no grupo. O dia começou com vitória sobre os norte-americanos Gibb e Crabb, por 2 sets a 0 (21/15, 21/15), na repescagem.

Horas depois, eliminaram os atuais vice-campeões do mundo, os alemães Thole/Wickler por 2 sets a 0 (21/18, 21/18). Fechando a lista do dia, nas quartas de final, grande triunfo sobre os italianos Nicolai e Lupo, atuais vice-campeões olímpicos, por 2 sets a 0 (21/19, 21/14), garantindo lugar entre os quatro melhores.

Outras duplas brasileiras deram adeus ao torneio neste sábado. Guto e Saymon foram superados nas oitavas de final da etapa, com derrota por 2 sets a 0 (22/20, 21/19) para os compatriotas Evandro e Bruno Schmidt, que acabaram superados na rodada seguinte, nas quartas, com revés para os letões Plavins e Tocs por 2 a 0 (21/16, 21/13).

A competição em Espinho rende cerca de R$ 75 mil para os campeões dos naipes masculino e feminino. Ao todo, o torneio distribui cerca de R$ 1,1 milhão em premiação aos atletas, além de oferecer pontuação alta para o ranking internacional – 800 para os times vencedores (mesmo número para a corrida olímpica brasileira). Espinho recebe uma etapa pela 16ª vez no torneio masculino, e pela 11ª no torneio feminino.

SEMIFINAIS - ETAPA ESPINHO
Alison/Álvaro Filho x Plavins/Tocs (LET) - 7h
André Stein/George x Marco/Esteban Grimalt - 8h

VEJA OS RESULTADOS DO DIA
http://worldtour.2019.fivb.com/en/721/schedule#/d20190720

VEJA A GALERIA DE FOTOS DO DIA
http://worldtour.2019.fivb.com/en/mesp2019/men/photos/maindraw

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro


Parceiros Oficiais