Brasil é superado pela Itália na abertura da segunda fase

Publicado em: 16/07/2019 17:09
Brasil enfrenta a Rússia na próxima rodada (Créditos: Getty Image/FIVB)

A seleção feminina sub-20 do Brasil estreou com dificuldades na segunda fase do Campeonato Mundial sub-20 de vôlei. Na tarde desta terça-feira (16.07) as brasileiras foram superadas pelo time da Itália por 3 sets a 0 (25/27, 21/25 e 18/25), em Aguascalientes, no México. A partida valeu pelo grupo E, que também conta com Rússia e China.

Na partida o saque italiano foi bastante eficiente e dificultou o passe brasileiro. O bloqueio das italianas, com 11 pontos também foi fundamental no resultado. O destaque do Brasil em quadra foi a oposta Kisy Nascimento, que foi a maior pontuadora com 15 acertos.

“O jogo, estrategicamente, foi dentro do que tínhamos planejado, conseguimos neutralizar boa parte do que era mais forte no time delas. Mas nos faltou dar continuidade às nossas jogadas, abrir vantagem. Nós cometemos muitos erros. A Itália, pelo que vimos até aqui, era o adversário mais forte, é a melhor equipe. Agora temos que mudar nosso foco para as próximas partidas, olhar para a Rússia e a China, pois precisamos conseguir nossa classificação contra elas”, comentou o treinador do Brasil, Hairton Cabral.

O próximo compromisso brasileiro será já nesta quarta-feira (17.07), às 14h30 (hora de Brasília), contra a seleção da Rússia. 

A seleção feminina Sub-20 do Brasil tem um bom retrospecto em campeonatos mundiais nesta categoria. As brasileiras acumulam 13 medalhas ao longo da história da competição (seis ouros, cinco pratas e dois bronzes). Na edição passada, em 2017, as brasileiras ficaram com a quinta posição. A última vez que as meninas do Brasil subiram ao lugar mais alto do pódio foi na Tailândia em 2007.

MUNDIAL SUB-20 FEMININO

Grupo A – México, Cuba, Itália e Estados Unidos

Grupo B – Egito, Peru, China e Polônia

Grupo C – Argentina, Sérvia, Rússia e Turquia

Grupo D – BRASIL, República Dominicana, Japão e Ruanda

TABELA GRUPO D

12.07 (SEXTA-FEIRA) BRASIL 3x0 República Dominicana (25/12, 25/11 e 25/20)

13.07 (SÁBADO) BRASIL 0x3 Japão (24/26, 22/25 e 19/25)

14.07 (DOMINGO) BRASIL 3x0 Ruanda (25/8, 25/9 e 25/13)

TABELA GRUPO E

16.07 (TERÇA-FEIRA) BRASIL 0x3 Itália (25/27, 21/25 e 18/25)

17.07 (QUARTA-FEIRA) BRASIL x Rússia, às 14h30 (hora de Brasília)

18.07 (QUINTA-FEIRA) BRASIL x China, às 14h30 (hora de Brasília)

SELEÇÃO FEMININA SUB-20

1 – Rose Evaristo – levantadora – 1,75m – 18 anos

3 – Laura Kudiess – central – 1,88m – 18 anos

4 – Júlia Kudiess - central – 1,89m – 16 anos

6 – Julia Bergmann – ponteira – 1,96m – 18 anos

7 – Daniela Seibt – central – 1,90m – 19 anos

8 – Jheovana Sebastião - oposta – 1,94m – 18 anos

9 – Kisy Nascimento – oposta – 1,90m – 19 anos

10 – Tainara Santos – ponteira – 1,90m – 19 anos

11 – Mayara Barcelos – ponteira – 1,82m – 18 anos

13 – Kenya Malachias – levantadora – 1,85m – 18 anos

18 – Ana Cristina Menezes – ponteira – 1,92m – 15 anos

20 – Letícia Moura – líbero – 1,59m – 16 anos

HISTÓRICO DO BRASIL NO MUNDIAL SUB-20 FEMININO

13 MEDALHAS (6 ouros/5 pratas/2 bronzes)

1987 (Coreia do Sul) – Ouro

1989 (Peru) – Ouro

1991 (Tchecoslovaquia) – Prata

1995 (Tailândia) – Prata

1999 (Canadá) – Prata

2001 (Rep Dominicana) – Ouro

2003 (Tailândia) – Ouro

2005 (Turquia) – Ouro

2007 (Tailândia) – Ouro

2009 (México) – Bronze

2011 (Peru) – Prata

2013 (Rep Tcheca) – Bronze

2015 (Porto Rico) - Prata

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro

 


Parceiros Oficiais