Semifinais da etapa de abertura da temporada são definidas em Jaboatão (PE)

Publicado em: 08/06/2019 18:42
Arena na Praia de Piedade, em Jaboatão (Créditos: Divulgação)

Da redação, no Rio de Janeiro (RJ) - 08.06.2019 

As semifinais da etapa de Jaboatão dos Guararapes (PE), a primeira da temporada 2019 do Circuito Brasileiro Challenger de vôlei de praia, foram definidas neste sábado (08.06), após disputas da fase de grupos, repescagem e quartas de final. Foram realizados 48 jogos – 24 em cada gênero - na arena montada na Praia de Piedade, com entrada franca à torcida. A competição é a segunda mais importante no calendário nacional da modalidade. 

As disputas por medalhas neste domingo (09.06) terão a presença de uma medalhista olímpica, campeões do circuito mundial e de mundiais de base, tudo com transmissão ao vivo no Facebook da Confederação Brasileira de Voleibol (CBV). As semifinais do naipe feminino começam às 8h30 (de Brasília) e as do naipe masculino às 9h20. 

No torneio feminino, as semifinais terão confronto entre a medalhista olímpica Juliana (CE), bronze em Londres-2012, e sua nova parceira, a catarinense Josi (SC), enfrentando Izabel e Neide (PA/AL). Do outro lado da chave, a dupla recém-formada de Andressa/Diana (PB/RJ) encara Aline e Juliana Simões (SC/PR). Os dois duelos acontecem às 8h30. 

Entre as semifinalistas, Juliana/Josi e Aline/Juliana Simões chegam invictas, com três vitórias. Já Izabel/Neide e Andressa/Diana tiveram uma derrota na fase de grupos, e por isso disputaram uma rodada a mais, da repescagem. Josi comentou a vaga e o bom início em Jaboatão, além da felicidade em atuar com Juliana. 

“O Challenger exibe bastante da parte física, quem perde na fase de grupos, acaba tendo que disputar quatro jogos. Então sempre foi um torneio duro, é preciso jogar três partidas em alto nível, exige do corpo e também da mente, pensando bem cada jogada. Se comunicando com a parceira. Estou muito feliz, primeiro por atuar ao lado de uma pessoa que admiro demais, que possui muita história e muito futuro ainda, que é a Juliana. Quero estar com ela em novas conquistas. E segundo pela vaga na semifinal”, disse Josi. 

No naipe masculino, Harley (DF), campeão do Circuito Mundial 2008, e seu parceiro Luciano (ES), enfrentam o time formado por Averaldo/Matheus Maia (TO/RJ). As duas equipes tiveram uma derrota na fase de grupos e precisaram disputar a repescagem, fechando o dia com quatro jogos e três triunfos. Experiente, Harley analisou o alto nível do torneio e comentou o crescimento da dupla após semanas de treinamento. 

“Temos uma sorte, no Brasil, de termos esse nível tão alto no vôlei de praia com dezenas de times qualificados. Mesmo não sendo uma etapa do Open, o nível é forte demais, apesar da ausência de algumas duplas disputando o Circuito Mundial. É fundamental, não apenas para mantermos nosso nível de jogo, de competitividade, mas também para o voleibol brasileiro. Abre espaço para a renovação. Fizemos um bom trabalho, estamos tentando algumas jogadas novas, atuamos bem”, destacou o defensor. 

No lado oposto da chave, brigando também por vaga na final, Marcus/Fernandão (RJ), formando novo time, encara Arthur Lanci e Adrielson (PR), ambos conterrâneos de Paranavaí e campeões mundiais sub-21. Os paranaenses estão invictos com três vitórias, enquanto os adversários perderam um jogo na chave, jogando a repescagem. O capixaba Fernandão analisou a disputa da semifinal e o começo de projeto com Marcus. 

“Vamos descansar e nos concentrarmos nos nossos adversários. O time começou esse projeto agora, estamos trabalhando muito, Marcus passou vários dias treinando ao meu lado no Espírito Santo. Acredito que nosso time tem muito para evoluir, não ganhamos nada, vamos um passo de cada vez. Um time é isso, um ajudando o outro, alegria fora de quadra, sem deixar uma derrota nos colocar para baixo”, declarou. 

Além dos campeões de cada uma das quatro etapas, existe o campeão geral da temporada, somando os pontos obtidos em cada uma das paradas. As duplas vencedoras de uma etapa nos dois gêneros somam 400 pontos e recebem um prêmio de R$ 12 mil. Ao todo, são distribuídos mais de R$ 130 mil em cada etapa aos times participantes. 

Após a primeira etapa, em Jaboatão (PE), o torneio passará por Cabo Frio (RJ), de 5 a 7 de julho, Maringá (PR), de 26 a 28 de julho, e Teresina (PI), de 16 a 18 de agosto.

VEJA OS RESULTADOS DO DIA DO MASCULINO
http://www.aplicativoscbv.com.br/challenger/tabopen/tabelatodas.asp?site=1008&sexo=m

VEJA OS RESULTADOS DO DIA DO FEMININO
http://www.aplicativoscbv.com.br/challenger/tabopen/tabelatodas.asp?site=1008&sexo=F

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro


Parceiros Oficiais