Aest (ES), BNB Clube (CE) e Fluminense (RJ) estão nas finais

Publicado em: 01/12/2018 18:03
Finais do torneio 2018 serão disputadas neste domingo, em Volta Redonda (RJ) (Créditos: Divulgação)

Da redação, no Rio de Janeiro (RJ) – 01.12.2018

As finais do Campeonato Brasileiro Interclubes (CBI) Sub-19 de vôlei de praia 2018 foram definidas neste sábado (01.12), após a disputa das semifinais no Clube dos Funcionários da Companhia Siderúrgica Nacional, em Volta Redonda (RJ). As disputas de ouro ocorrem neste domingo (02.12), às 9h20 (de Brasília), envolvendo Aest (ES), BNB (CE) e Fluminense (RJ).

A decisão do torneio feminino será entre Thamela/Blenda, representando a Aest (ES), contra Thainara/Natália, do BNB Clube (CE). Os dois times chegam invictos à final, mas as representantes capixabas não perderam nenhum set até aqui.

A disputa de bronze, a partir das 8h30, será entre Giovana/Pamella, que defende o Náutico Capibaribe (PE), contra Emanuely/Maria, do Olympico Club (MG). As representantes do time pernambucano foram superadas na semifinal por Thainara e Natália: 2 sets a 1 (21/17, 20/22, 17/15), em 58 minutos. Já Emanuely/Maria acabou derrota na semifinal por Thamela/Blenda com parciais de 2 a 0 (21/14, 21/19), em 45 minutos.

A final do naipe masculino será disputada entre João Pedro/Lucas, representando o Fluminense (RJ), contra Pablo/Diego, que defende o BNB Clube (CE). A equipe cearense não perdeu no torneio, enquanto os cariocas sofreram um revés na fase de grupos.

A partida valendo a medalha de bronze, às 8h30, será entre Thiego/Pablo, do Náutico Capibaribe (PE), que na semifinal caíram para os representantes do Fluminense por 2 sets a 0 (21/13, 21/15), em 37 minutos, contra Juan/Victor, do Olympico (MG), e na semifinal foi eliminado por Pablo/Diego por 2 sets a 1 (14/21, 23/21, 18/16).

Disputas de 5º ao 12º
Além das semifinais, neste sábado foram disputados jogos para definir as posições de 5º ao 12º lugar nos dois naipes. Valendo o quinto lugar feminino, Anne/Lara, do Tijuca Tênis Clube (RJ), superou Isabella/Luana, do Clube Esperia (SP) por 2 sets a 0 (21/16, 21/16). Já na disputa pelo sétimo lugar, vitória de Manuela Niemeyer/Marcelle, também do Tijuca, sobre Sophia/Maria, do Aest (ES), por 2 sets a 0 (21/13, 21/11).

Na rodada para definir o nono colocado, triunfo de Vitória/Adryele, do BNB (CE), sobre Maria/Myllena, do Olympico (MG): 2 sets a 1 (21/19, 18/21, 15/11). Por fim, no duelo do 11º lugar, melhor para Laiza/Leilane, do Clube Bahiano de Tênis (BA). Elas superaram Lavinia Viana/Maria Murad, do Clube dos Funcionários da CSN, por 2 sets a 0 (21/18, 26/24).

No naipe masculino, o quinto lugar ficou com Igor/Misael, do Clube Esperia (SP), que venceu Davi Cunha/Davi Uchoa, do BNB Clube (CE) por 2 sets a 1 (14/21, 21/11, 15/12). Já na partida valendo o sétimo lugar, melhor para Bruno/Victor, também do Clube Esperia, que superou Pedro/Victor, do Olympico (MG), por 2 sets a 0 (21/10, 21/13).

A nona colocação ficou com Fernando/Cleiton, do Clube Bahiano de Tênis (BA), que venceu Filipe Baioco/Renan, da Aest (ES), por W.O. Na rodada que definiu 11º e 12º, triunfo de Gustavo/Marcos, da Aest (ES), por 2 sets a 0 (21/9, 21/8) sobre Felipe/Leonardo, do Clube Esperia (SP), encerrando a definição das posições anteriores.

A competição disputadas nos naipes masculino e feminino é realizada em parceria com o Comitê Brasileiro de Clubes (CBC) e visa proporcionar mais experiência para as jovens promessas da modalidade.

Esta é a segunda edição do Campeonato Brasileiro Interclubes Sub-19 de vôlei de praia. Na primeira, realizada em março deste ano, mas referente à temporada 2017, o Aest (ES) ficou com o título no naipe masculino, enquanto o Olympico (MG) levou o troféu no feminino.

Atualmente a CBV também realiza o Campeonato Brasileiro de Seleções (CBS) nas categorias Sub-17, Sub-19 e Sub-21, onde as equipes são formadas por suas federações locais. Com o CBI, os clubes contam com um torneio nacional para proporcionarem rodagem e experiência aos jovens atletas, aumentando também a possibilidade de observação de novos valores.

Idealizado em sua política de formação de atletas, o Edital 07 foi resultado de uma Chamada Pública cujo objeto prevê investimento em equipamentos, e o custeio de transporte aéreo e hospedagem de atletas para participarem dos Campeonatos Brasileiros Interclubes. Ao todo, 39 dos clubes integrados ao CBC serão anfitriões de eventos do gênero, realizando competições até 2020, atingindo centenas de clubes e milhares de beneficiários.

VEJA OS DUELOS DA REPESCAGEM NO NAIPE FEMININO
http://www.aplicativoscbv.com.br/inter_sub19/tabopen/tabelatodas.asp?site=3000&sexo=F

VEJA OS DUELOS DA REPESCAGEM NO NAIPE MASCULINO
http://www.aplicativoscbv.com.br/inter_sub19/tabopen/tabelatodas.asp?site=3000&sexo=m

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro


Parceiros Oficiais