CBV - Alison/André garante vaga nas quartas de final em Moscou Confederação Brasileira de Voleibol 

Alison/André garante vaga nas quartas de final em Moscou

Publicado em: 10/08/2018 17:06
Alison alcançou a fase de quartas de final (Créditos: GettyImage/FIVB)

O dia foi longo em Moscou (RUS), na disputa do torneio 4 estrelas do Circuito Mundial de vôlei de praia 2018. Nesta sexta-feira (10.08) foram disputadas rodadas da fase de grupo, repescagem e oitavas de final da chave masculina e, com os resultados conquistados, duas duplas brasileiras seguem na briga por medalhas.

Alison e André (ES) já estão garantidos entre os oito melhores times da competição. A dupla capixaba venceu os dois compromissos desta sexta-feira. Primeiro, pela repescagem, eles levaram a melhor sobre O’Gorman/Saxton (CAN) por 2 sets a 0 (21/17 e 21/16). Mais tarde, eles tiveram os holandeses Brouwer e Meeuwsen, com novo triunfo, desta vez por 2 sets a 1 (17/21, 21/18 e 15/10). Nas quartas de final, neste sábado (11.08), Alison e André enfrentarão Bryl/Fijalek (POL).

A outra dupla brasileira que continua na disputa é Evandro/Vítor Felipe (RJ/PB). Com dois resultados positivos nesta quinta-feira (09.08) durante a fase de grupos, Evandro e Vítor garantiram vaga direta às oitavas e entrariam em quadra apenas uma vez nesta sexta-feira. No entanto, quando o duelo contra Krasilnikov/Liamin (RUS) estava em 15x17 para os russos no segundo set (mas com um set a favor dos brasileiros) a partida foi interrompida por falta de iluminação natural. Pela regra, o jogo será retomado no início deste sábado, mas com o placar zerado.

Os demais times brasileiros deram adeus à competição na capital russa. Thiago e Álvaro Filho (SC/PB) foram superados por Kolinske/Evans (EUA) por 2 sets a 1 (21/19, 20/22 e 13/15), ainda na fase de grupos. Já Ricardo/Guto (BA/RJ) caiu na repescagem diante de Giginoglu/Gögtepe (TUR) por 2 sets a 0 (20/22 e 17/21).

Moscou é a oitava etapa do nível quatro estrelas de nove em disputa na temporada 2018. Desde 2017, a Federação Internacional de Voleibol (FIVB) classifica os torneios de uma a cinco estrelas, de acordo com a premiação e o número de pontos que oferecem. O campeonato na Rússia rende 800 pontos aos campeões, além de uma premiação de cerca de R$ 74 mil.

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro


Parceiros Oficiais