Liga das Nações 2018 - Confederação Brasileira de Vôlei

Gabi lidera Brasil na fase final

Publicado em: 01/07/2019 11:16

Aos 25 anos, a ponteira Gabi vive um dos melhores momentos da carreira. Depois de uma temporada de títulos marcantes com o Itambé/Minas (MG), a jogadora tem sido um dos destaques da seleção brasileira feminina de vôlei na Liga das Nações. A atacante tem a melhor recepção da competição, com 30,46% de aproveitamento, o terceiro melhor ataque, com 46,33% de sucesso, e é a quarta maior pontuadora, com 234 pontos. Ela é uma das armas da equipe do treinador José Roberto Guimarães que estreia na fase final às 4h (Horário de Brasília) desta quinta-feira (04.07) contra a Polônia. O SporTV 2 transmite ao vivo.

A atacante Gabi comentou sobre a boa fase na Liga das Nações e o seu papel no grupo brasileiro ao longo da competição.

“É um momento especial. Consegui fazer uma boa fase de classificação lutando pela regularidade junto com o grupo. Busco mais responsabilidade e nos momentos decisivos tenho sido mais acionada. Isso serviu para o meu crescimento e fico muito feliz de participar desse grupo que busca o seu espaço. Espero poder aproveitar as oportunidades e a fase final é o momento de mostrar esse crescimento”, disse Gabi.

Para ponteira, a fase final promete muito equilíbrio entre as equipes. A jogadora mostrou confiança em um bom desempenho do grupo verde e amarelo que tem como primeiro desafio a Polônia.

“A expectativa para a fase final é muito grande. Vamos fazer o primeiro jogo dessa etapa decisiva contra a Polônia que nos venceu na fase classificatória. Estamos focadas nessa partida. É um grupo difícil porque os Estados Unidos também têm muita qualidade. São equipes que jogam com agressividade e velocidade. Esse primeiro jogo será um grande teste, mas crescemos muito ao longo da competição. Estamos bem entrosadas e vamos lutar por essa classificação para a semifinal”, afirmou Gabi.

A jogadora também analisou o momento especial no esporte depois da temporada com o Itambé/Minas, a Liga das Nações e a transferência para a Vakifbank, da Turquia.

“Tudo aconteceu muito rápido na minha carreira. Esse ano tive uma temporada espetacular no Itambé/Minas onde conseguimos ganhar a maioria das competições e ficamos com o vice-campeonato do Mundial de Clubes. Agora vou viver uma experiência diferente e estou realizando o sonho de jogar fora do país. Já tinha esse planejamento. Vou ter a oportunidade de jogar com algumas das melhores jogadoras do mundo em uma equipe muito forte. Então, também uso esse momento na Liga das Nações como preparação para os meus próximos desafios”, explicou Gabi.

Na fase final da Liga das Nações, a seleção feminina será formada pelas levantadoras Macris e Roberta, as opostas Paula Borgo e Lorenne, as ponteiras Natália, Gabi, Amanda e Tainara, as centrais Carol, Bia, Mara e Mayany e as líberos Léia e Natinha.

China, Itália e Turquia formarão o grupo A enquanto Estados Unidos, Brasil e Polônia estarão no grupo B. As equipes se enfrentarão nos seus respectivos grupos e as duas melhores de cada passarão às semifinais da competição. 

LIGA DAS NAÇÕES 2019

Brasília (Brasil)

21.05 (TERÇA-FEIRA) – Brasil 3 x 0 China (25/15, 25/21 e 25/21)
22.05 (QUARTA-FEIRA) – Brasil 1 x 3 República Dominicana (22/25, 20/25, 25/22 e 26/28)
23.05 ( QUINTA-FEIRA) – Brasil 3 x 0 Rússia (25/17, 25/17 e 25/14)

Apeldoorn (Holanda)

28.05 (TERÇA-FEIRA) – Brasil 3 x 2 Holanda (21/25, 30/28, 25/20, 18/25 e 15/11)
29.05 (QUARTA-FEIRA) – Brasil 2 x 3 Polônia (25/20, 25/22, 26/28, 18/25 e 15/9) 
30.05 (QUINTA-FEIRA) – Brasil 3 x 0 Bulgária (25/18, 25/23 e 25/18)

Lincoln (Estados Unidos)

04.06 (TERÇA-FEIRA) – Brasil 2 x 3 Alemanha (25/21, 29/31, 25/21, 20/25 e 13/15)
05.06 (QUARTA-FEIRA) – Brasil 3 x 0 Coréia do Sul (25/17, 25/16 e 25/11)
06.06 (QUINTA-FEIRA) – Brasil 3 x 1 Estados Unidos  (25/19, 25/17, 22/25 e 25/20)

Tóquio (Japão)

11.06 (TERÇA-FEIRA) – Brasil 3 x 1 Japão (25/17, 25/19, 20/25 e 25/22)
12.06 (QUARTA-FEIRA) – Brasil 3 x 0 Tailândia (25/19, 2517 e 25/21)
13.06 (QUINTA-FEIRA) – Brasil 3 x 0 Servia (25/23, 25/21 e 25/15)

Ancara (Turquia)

18.06 (TERÇA-FEIRA) – Brasil 3 x 0 Itália (25/21, 25/20 e 25/23) 
19.06 (QUARTA-FEIRA) – Brasil 3 x 0 Bélgica (25/23, 25/15 e 25/18) 
20.06 (QUINTA-FEIRA) – Brasil 2 x 3 Turquia (23/25, 26/24, 20/25, 25/23 e 14/16)

Fase Final – Nanquim (China)

04.07 (QUINTA-FEIRA) – Brasil x Polônia, às 4h (Horário de Brasília) 
05.07 (SEXTA-FEIRA) - Brasil x Estados Unidos, às 4h (Horário de Brasília)

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro


Parceiros Oficiais