CBV participa de encontro com vice-presidente Hamilton Mourão e secretário especial do Esporte, Marco Aurélio Vieira

Publicado em: 02/04/2019 23:04
Valder Mesquita, Radamés Lattari, Hamilton Mourão, Alison e Marcos Aurélio Gonçalves (Créditos: Divulgação/CBV)

A Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) participou, nesta terça-feira (02.04), de um encontro com o vice-presidente da República, Hamilton Mourão, e o secretário especial do Esporte do Ministério da Cidadania, Marco Aurélio Vieira. Durante o evento foram debatidos tópicos do esporte de alto rendimento. A CBV foi representada pelo Diretor Executivo, Radamés Lattari, o Gerente de Desenvolvimento, Marcos Aurélio da Silva Gonçalves e o Gerente de Competições de Vôlei de Praia, Valder Mesquita. 

O Diretor Executivo da CBV, Radamés Lattari, comentou sobre o encontro e elogiou o conhecimento do secretário especial do Esporte do Ministério da Cidadania, Marco Aurélio Vieira.

“Para nós da Confederação Brasileira de Voleibol foi ótimo reencontrar uma pessoa amiga do esporte, da época da Escola de Educação Física do Exército. O secretário se mostrou inteiramente conhecedor do esporte de alto rendimento.  Foi um encontro muito produtivo”, disse Radamés Lattari. 

Visita ao vice-presidente Hamilton Mourão 

Ao final do encontro, os representantes da CBV, o presidente da Federação de Vôlei do Distrito Federal, Sérgio Faria, a ex-árbitra internacional, Maria Amélia Villas-Bôas, e membros da delegação brasileira que vão participar da Continental Cup, torneio classificatório para os Jogos Olímpicos de Tóquio-2020, se encontraram com o vice-presidente da República, Hamilton Mourão. O vice-presidente recebeu das mãos do Diretor Executivo da CBV, Radamés Lattari, uma camisa personalizada da seleção brasileira de voleibol e uma bola oficial da modalidade. 

Continental Cup

O Brasil inicia nesta quarta-feira (03.04) a busca por vagas no vôlei de praia aos Jogos Olímpicos de Tóquio-2020, com a disputa da primeira fase da Continental Cup. O torneio classificatório acontece em Brasília (DF), no Parque da Cidade, e terá quatro duplas brasileiras (duas em cada gênero), além de outros cinco países. A entrada é franca.

A Continental Cup é um dos quatro caminhos para a classificação aos Jogos Olímpicos de Tóquio. Na primeira fase, os países da América do Sul são divididos em três grupos. Os campeões de cada grupo vão direto para a fase final, enquanto segundos e terceiros disputam uma repescagem, com o campeão se unindo à fase final, que será disputada em 2020.

Além da Continental Cup, é possível garantir a vaga aos Jogos pelo Campeonato Mundial (campeão), que ocorre na Alemanha; pelo Classificatório Olímpico (campeão e vice), disputado na China; ou pelo ranking internacional (15 primeiros), que será fechado em junho de 2020. O Japão já possui uma vaga em cada gênero por ser sede.

Em Brasília, o Brasil será representado no naipe masculino por Alison e Álvaro Filho (ES/PB), que fazem a estreia da nova parceria, e por Pedro Solberg/Vitor Felipe (RJ/PB). No naipe feminino, Juliana/Andressa (CE/PB) e Tainá/Victoria (SE/MS) defendem o país. 

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro


Parceiros Oficiais